Quinta-feira, 24 de Abril de 2008

Finalmente, hoje, tivemos uma visita no meu (nosso) grupo de teatro (para queles que não sabiam, eu pertenço ao grupo de teatro da minha escola).

 

Foram dois dias de trabalho intenso para no fim apresentar um esboço de um espetaculo que vai durar aproximadamente 55 minutos.

 

No inicio não tinha-mos grande coisa, a desmutivação e desilusão eram muita, especialmente da minha parte, e não estava a ver como é que todo o trabalho que tinha-mos feito ia dar frutos. Mas foi aí que apareceram 8 mesas! sim mesas foram elas que nos salvaram e transformaram uma série de monotonas improvisações num espetáculo incrivel de se ver, quer dizer em apenas 2 dias foi o melhor que pudemos fazemos (e acreditem que não foi pouco) comportamo-nos melhor que muitos profissionais (palavras do encenador com muita experiência nas artes performativas).

 

No final tudo correu ás mil maravilhas após 8 horas de trabalho a representante da Culturgest (professora do Conservatório pelo que ouvi dizer) gostou muito apesar de ser tudo apenas um esboço de um espétaculo que vai dar muito que falar.

 

Beijos e abraços!


sinto-me Realizado
música Red Hot Chili Pepers

publicado por Marco às 20:24 | link do post | comentar

Sexta-feira, 18 de Abril de 2008

Vou dedicar o meu primeiro post a uma das palavras que mais se usam hoje em dia: "Coiso"

Não me perguntem como ou quando esta palavra surgiu, porque não faço a minima, mas que veio para ficar, lá isso veio!

Esta é uma daquelas tendências que surgem "de quando em quando" em que se fabrica ou se altera o significado de uma palavra. No meu tempo de rapazola inocente, criou-se o "bué" que ganhou tanta fama e foi adoptado por tanta gente, que se arranjou maneira de por esta pequena palavra (com uma grande significado) no dicionário.

Com o "coiso" a história é diferente, a palavra já existia e significava... coiso . Hummm tou confuso! :S então o que é que mudou?

O que mudou foi a aplicação, é impressionante como até os miúdos mais pequenos usam a palavra "coiso" para tudo e para nada! Quando não se sabe o que dizer a meio de uma frase o que é que se diz? adivinhem lá... "coiso". Querem ver? "Estás a ver aquela jarra branca ao pé da mesa da sala? Aquela que  se parece com aquele... coiso que a tia tinha pendurada...."

E depois há a variante feminina da "Coisa", claro que não podia haver somente o masculino coitadinho.

E termino assim o meu primeiro post honrando a bela palavra "Coiso".

Há já quase me esquecia, eu sou o M e convido-vos a entrar no meu blog e explorar o que aqui vai. Caso não gostem de alguma coisa estou sempre aberto a sugestões.

Cumprimentos

P.S: Não fiquem á espera que eu actualize este blog todos os dias, sei que estão tristes mas não fiquem, o que é giro aqui é que nunca sabem quando é que eu vou estar aqui com uma nova "coisa" para vocês.


sinto-me Contente
tags:

publicado por Marco às 15:14 | link do post | comentar

mais sobre mim
Dezembro 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

12
13
14
15
16
17
18

19
20
21
22
23
24
25

26
27
28
29
30
31


posts recentes

...

Mentiras ou mentirinhas

Encontro à filme

Cansado e todos os seus s...

De perguisoso a workaholi...

E assim se passou 1 ano!

...

Circuncisão reduz risco d...

Tão importantes e nada pe...

Independente.

arquivos

Dezembro 2010

Junho 2010

Dezembro 2009

Junho 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Novembro 2008

Outubro 2008

Maio 2008

Abril 2008